Do alto de todos os andores

refletido na luz divinal

um espelho de cristal

com lâmpadas ardentes

alvoroça corações.

 

É noite...

As aves emudecidas pousam

nos galhos secos do jequitibá.

Palpita a Terra... é vida

amplidão, alegrias.

 

Que se afastem todas as sombras

pois o por do Sol está tão lindo

ele não se vai

apenas pede um tempo

prá depois voltar!

 

A escuridão envolve o mundo

soluçando baixinho,

emudecem as almas

e todos os madrigais.

 

Esperemos a glorificação do afagar

não se deixe soluçar pela angustia

que trucida impiedosamente a alma

E magoa o coração.

 

Luzes! Brilhos!

sigam a poeira das estrelas

e na bandeira luminosa do amor

marquem a mais pura e benfazeja

de todas as emoções

o iluminar dos corações.
 

 

 


 


 

Pelo EnvioWebaguia

Pelo Outlook

 

Fale com a autora:  lyzcorrea@hotmail.com


Adicionar este site aos seus Favoritos
|    Home    |    Menu    |    Voltar    |

|    Livro de Visitas    |



Desde 29.01.2010,
você é o visitante nº


Página melhor visualizada  em Internet Explorer 4.0 ou Superior: 1024 X 768
Copyright© A Gralha Azul - 2009 - Todos os Direitos Reservados