Por entre frondosas árvores

Do norte brasileiro

Um silêncio misterioso

Envolve a mata verde

 

Olhando as copas das frondosas

Árvores, envolvidas por cipós

Que dificultam o caminhar

De  tantos e tantos  metros

Um suave pio se ouve

 

Muitos ruídos agora... sons desconhecidos

Fica-se atento...

Ao redor, nada... o homem para...

 

Logo um pequeno movimento...

Folhas... soltam-se no ar

E um canto mais belo

Ouve-se a ecoar na floresta

 

Encantamento... que houve?

Um lindo Uirapuru canta... e encanta

Pássaro rei das aves

 

Uirapuru

A mata é toda sua

E como uma mágica

Atrai bandos de aves

Pequenino... cantador

 

Canta Uirapuru

 

Canta... Uirapuru !

 

DIZ A LENDA:

 

“FELIZ DAQUELE... QUE OUVE... O... SEU... CANTAR!”



Ao fundo o canto do uirapuru

 

 


 


 

Pelo EnvioWebaguia

Pelo Outlook

 

Fale com a autora:  lyzcorrea@hotmail.com


Adicionar este site aos seus Favoritos
|    Home    |    Menu    |    Voltar    |

|    Livro de Visitas    |



Desde 29.01.2010,
você é o visitante nº


Página melhor visualizada  em Internet Explorer 4.0 ou Superior: 1024 X 768
Copyright© A Gralha Azul - 2009 - Todos os Direitos Reservados