HORTÊNCIAS RODEIAM A ESTRADA

 

 

 

 

A ninguém mais digo, senão ao mundo, que nada é mais encantador que descer pela Serra do Mar e ter a exuberância da mata verdejante.

A todos é preciso dizer que, das relíquias existentes como símbolos augustos, os verdes do arvoredo são lenitivos tesouros infinitos de venturas.

 

 

PLACA COMEMORATIVA

Numa linguagem mais simples com os olhos marejados, a senhora natureza premia com ardor e orgulho a maior riqueza imortalizada que jamais despede-se deste mundo nem de nós!

Por que dizer que há luz e cores na graciosidade das curvas da Graciosa, na augusta beleza das hortênsias, e beijos que ornamentam a estrada?

 

 

RIO MÃE CATIRA

 

Na absorvição perfeita e grandiosa do que é perfeito e pode ser eterno, caminhar para a serena glória na segurança do itinerário que resgata o caminho de Peabiru.

 

 

TRILHA DO PIABIRU

Na elegância dos arbustos e das flores, caminhemos pelos paralelepípedos da Graciosa, na silhueta mais linda do trajeto.

Não estacione o coração, pare para observar o Pico Marumbi, o recanto Cavalcanti, as curvas da Ferradura e Grota Funda.

 

 

PICO MARUMBI

Nada permanece incólume, e, no silêncio, apenas ouvimos o som de uma natureza tão espetacular que faz calar e refletir.

Siga agora seu caminho, pois o dia começa e na alvorada, apenas a retina combina com a harmonia da paisagem.

 

 

MIRANTE

Nossa serra do mar, exuberância, coloridos, aromas, flores, verdes, êxtase de sonhos e ternura na emoção.

Nada é intransponível pois para caminhar, apenas rasga-se a preguiça, transporta-se o espírito para muito além da imaginação!!!

 

 

 

 

PORTAL DA ESTRADA DA GRACIOSA

 

 

 

Deixe aqui o seu recado para a autora

 


 


 

Pelo EnvioWebaguia

Pelo Outlook

 

Fale com a autora:  lyzcorrea@hotmail.com


Adicionar este site aos seus Favoritos
|    Home    |    Menu    |    Voltar    |

|    Livro de Visitas    |



Desde 29.01.2010,
você é o visitante nº


Página melhor visualizada  em Internet Explorer 4.0 ou Superior: 1024 X 768
Copyright© A Gralha Azul - 2009 - Todos os Direitos Reservados